Arquivo da tag: viagem

3/10 PAÍSES SUPER FÁCIL PARA IMIGRAR – Costa Rica

Postarei 10 dicas de países que tem algumas facilidades para quem deseja morar fora do Brasil, mas atenção, não postarei os 10 de uma vez mas sim 1 em cada poster seguindo o Critério de título acima mudando apenas o primeiro número que significa o número da postagem.

3 – Costa Rica

Costa Rica tem sido bem popular com expatriados por mais de 30 anos, devido seu estilo de vida tranquilo e paisagens oceânicas de tirar o fôlego. Na verdade, ao amantes de água de todos os tipos vão se deliciar na Costa Rica, pois ela tem o segundo maior número de rios e lagos do mundo. Como você pode imaginar, uma vasta gama de fauna nativa acompanha tudo isso, incluindo mais de 300 espécies de beija-flor.

Costa Rica é um lugar maravilhoso para aposentados, oferecendo um visto que acolhe idosos com uma renda mensal de pelo menos $1,000. Se você ainda não é aposentado, precisará de um emprego para ficar lá. Felizmente, Costa Rica tem muitas oportunidades de trabalho, especialmente em turismo e aulas de inglês.

Folclore Costa Rica

Siga nosso canal no Youtube

Anúncios

1/10 países super fácil para imigrar -México

Postarei 10 dicas de países que tem algumas facilidades para quem deseja morar fora do Brasil, mas atenção, não postarei os 10 de uma vez mas sim 1 em cada poster seguindo o Critério de título acima mudando apenas o primeiro número que significa o número da postagem.

Você tem a fantasia de sair do seu país e morar na praia em algum lugar do planeta? Talvez você deseja aventuras na montanha, ou simplesmente uma comunidade mais amigável.

Mas quando você acorda desses devaneios, vai provavelmente lembrar do quão caro e difícil é imigrar, isso sem falar que desistir de sua cidadania não é algo tão trivial.

Tudo isso é verdade, mas existem vários países que são totalmente abertos a pessoas que querem ir, morar e trabalhar lá por um longo período de tempo, sem necessariamente se tornar um cidadão.

É possível viver a vida dos seus sonhos agora, e decida sobre torná-la ou não permanente mais tarde.

1 – México

O estilo de vida no México é mais relaxado do que nos países de primeiro mundo, mas o México tem todas as amenidades que você está acostumado, incluindo internet de alta velocidade, filmes e séries de Tv atuais, e lojas para alimentos e outras necessidades. Não esqueça da praia e da gastronomia local deliciosa.

No México, você pode imediatamente aplicar para um visto de residente permanente, o qual não tem data de vencimento e te fornece a capacidade de trabalhar. Para se qualificar, você precisa mostrar uma renda líquida mensal de cerca de $1,826 como indivíduo – é compreensivelmente mais para a família inteira. Também existem vários vistos de residente temporário disponíveis, que são válidos por quatro anos e requerem uma renda mensal de $1,096.

7 destinos proibidos que você nunca poderá visitar

Existem muitos poucos lugares nesse planeta que não foram tocados pelas mãos humanas, e lugares que não sentiram os efeitos da ocupação humana. Mas há lugares que por um motivo ou outro são inacessíveis para a maioria das pessoas.

Uma seleção pequena especial pode ter acesso, mas você com certeza não será bem-vindo na sua próxima viagem.

Seja para proteger a natureza indígena, manter os humanos seguros ou esconder fatos que o governo não quer que você saiba, estes destinos proibidos podem ser vistos apenas de longe. É claro que não há nada mais fascinante do que o tabu e, portanto, você realmente vai quererir para esses lugares.

Mas, acredite quando dizemos que é melhor ler este artigo do que arriscar a vida, um membro ou uma ação penal. Felizmente, você pode chegar perto o bastante de alguns desses lugares para ter um gostinho, como o número 2 e 6. Outros são totalmente banidos, como os números 1 e 3, os quais podem ser os lugares proibidos mais famosos do planeta.

1. Ilha das Cobras, Brasil

Pesquisadores estão bem cientes da Ilha das Cobras, mas nenhuma pessoa normal é permitida visitar esta pequena ilha a cerca de 150 quilômetros da cidade de São Paulo no Brasil. Oficialmente chamada de Ilha da Queimada Grande, o lugar abriga cerca de 2.000-4.000 cobras. Não é qualquer cobra, é a jararaca ilhoa que habita a Ilha das Cobras.

As jararacas ilhoas são conhecidas por seu veneno extraordinariamente potente, que desintegra a carne ao redor das mordidas. Aff! Melhor deixar que os pesquisadores tirem e compartilhem algumas fotos.

2. Cavernas de Lascaux, França

As cavernas de Lascaux no sudoeste da França fornecem exemplos sensacionais de pinturas pré-históricas em cavernas. As cavernas têm uma série de pinturas e gravuras pré-históricas de supostamente 20.000 anos. As pinturas retratam bisão, ibex, cervos e gado, entre outras coisas, e cobrem todas as paredes, O exemplo mais incrível é encontrado no Salão dos Touros, conhecido por quatro murais de touros. Um deles tem 5 metros de altura.

Infelizmente, a presença de pessoas tem sido destrutiva para as obras de arte insubstituíveis. E não só isso, mas as cavernas foram afetadas por fungos e bolor negro. Portanto, a entrada de humanos está proibida as cavernas  desde a década de 60. Felizmente, um museu e uma réplica da caverna foram recentemente abertos ao lado das cavernas, para que você possa pelo menos desfrutar da experiência.

3. Área 51, Estados Unidos

Não existe um lugar nesse planeta que gerou tantas teorias de conspiração com a Área 51 no deserto de Nevada, EUA. O lugar é uma base militar fortemente protegida e escondida, e nenhuma pessoa normal realmente sabe o que se passa lá.

O mito urbano mais comum é que a Área 51 é usada para teste de alienígenas, mas é claro que ninguém tem provas disso. Todos os governos do mundo afirmam que nunca houve qualquer evidência de visitas de alienígenas em nosso planeta. Seja lá o que acontece na Área 51, não recomendamos tentar violar sua segurança – o lugar é fortemente protegido com minas terrestres e outras seguranças de alta tecnologia.

4. Ilha Sentinela do Norte, Índia

Os nativos da Ilha Sentinela do Norte no Golfo de bengala perto da Índia protegem agressivamente o isolamento desta ilha de 60.000 anos. Os sentineleses recusam a comunicação com intrusos e rapidamente matam qualquer um que tente entrar na ilha. A Guarda Costeira Indiana ocasionalmente sobrevoa a ilha para estimar a população (que caiu nos últimos anos) ou para determinar se a comunidade precisa de ajuda, como após o tsunami de 2004.

O governo indiano proíbe a interferência com os sentineleses, mas a ilha foi recentemente posta na mídia, quando um jovem missionário entrou furtivamente na ilha em uma tentativa de levar a palavra de Jesus aos residentes. A última vez que o jovem foi avistado, a tribo estava arrastando pela areia seu corpo repleto de flechas.

5. Poveglia, Itália

Atualmente, esta pequena ilha italiana está abandonada, mas tem uma história sinistra que levou ao governo banir visitações. Localizada entre Veneza e Lido no norte da Itália, Poveglia era usada como área de quarentena no século 14, para abandonar pessoas com Peste Bubônica. Mais tarde, no século 19, Poveglia  era uma clínica psiquiátrica para doentes mentais. Dizem que um médico cruel realizou experimentos agonizantes em seus pacientes.

A ilha hoje está abandonada, mas dizem que é assombrada pelos fantasmas das almas torturadas que morreram lá. A ilha é considerada o lugar mais assombrado da Itália, e tanto turistas como locais não podem entrar nela. No entanto, se você é realmente corajoso, você pode enfrentar uma burocracia demorada para conseguir uma permissão.

6. Arquivos secretos do Vaticano, Cidade do Vaticano

No passado, a religião e o governo eram intrinsecamente ligados. Em alguns locais, ainda é. Em um lugar que atravessa essa linha, os Arquivos Secretos do Vaticano na Cidade do Vaticano guardam os segredos do catolicismo antigo. Contendo séculos de verdades ocultas, desde a contabilidade financeira até documentos estatais, o acesso aos arquivos é proibido para a maioria das pessoas.

Apenas os eruditos aprovados e mais altamente qualificados do mundo são permitidos. Visto que o lugar não é tão secreto, houve especulações alarmantes sobre o que contém lá, tais como prova da existência de alienígenas e demônios, e evidência da suposta participação da igreja no governo fascista em meados do século 20.

7. Mausoléu de Qin Shi Huang, China

O primeiro imperado da China foi Qin Shi Huang. Seu complexo de sepulturas é um dos locais mais elaborados e amplos já descobertos. Se você já ouviu falar dos guerreiros de terracota da China, isto é onde eles estão. Mas, embora o local desse mausoléu seja um dos destinos turísticos mais populares da China, a tumba é selada.

Os visitantes podem ver cerca de 2.000 guerreiros de terracota, mas estima-se que existam mais 6.000 em todas as cavernas subterrâneas do complexo de sepulturas. Dizem que há armadilhas estrategicamente posicionadas que previnem invasores de alcançar o local das sepulturas. Mas, o que sabemos com certeza é que as cavernas têm uma alta concentração de mercúrio que mataria qualquer um sem um equipamento de proteção apropriado. Durante o futuro próximo, os inúmeros tesouros de Qin Shi Huang vão continuar seguros, junto com seu corpo.

CONCLUSÃO

Conseguimos aguçar seu apetite para caçar alguns fantasmas, lutar contra forças da natureza ou provar uma teoria de conspiração? Talvez você simplesmente queira mergulhar em um passado fascinante e misterioso. Pelo fato de humanos terem (ou tiveram) suas mãos em cada um destes lugares, você pode experimentar a emoção do proibido em livros e fotos.

Mas, a menos que você queira enfrentar um destino perigoso e potencialmente mortal, é melhor ficar longe desses lugares. Você foi avisado!

O que Aprendei Com a meditação

Antes mesmo de virmos morar no Trailer, eu já havia iniciado um processo de alto descoberta e a busca incansável pelo desenvolvimento espiritual.

Nesse processo muito estudo foi necessário, muitos livros foram lidos, muitas técnicas foram aplicadas e quanto mais eu aprendia nas coisas que estavam fora de mim, mais eu percebia o quanto essa busca é interna, individual e constante.

Constante porque nunca ficamos prontos, a menos que atingíssemos o nirvana, mas eis uma utopia que necessitara de muitas vidas para se realizar. Individual e interna porque tudo é de dentro para fora e nada e nem ninguém é responsável pelos nossos medos, dilemas, crenças, sentimentos e emoções.

E nesse processo alguns aprendizados simplesmente se dissiparam por não fazerem parte dessa busca, mas alguns vieram para ficar e a Meditação certamente tem um lugar de destaque.

A meditação me ajudou a conviver com a dualidade dessa existência, faz parte  do nosso processo de vida no planeta Terra. A todo momento, teremos altos e baixos, dias bons e outros nem tão bons, momentos alegres e tristes.

Quando despertei para a busca do autoconhecimento, inicialmente, eu acreditava que só teria momentos felizes e agradáveis e que os dias tristes tinham ido embora para sempre.

A vida não é feita só de momentos bons

Na verdade, eu fugia dos acontecimentos desagradáveis ou simplesmente ignorava o que me incomodava, eu queria viver no good vibes eternamente.

Conforme fui me aprofundando na minha descoberta do que me incomodava, o que me dava medo, eu fui compreendendo que todas as experiências são válidas para nossa experiência e que observar é diferente de se identificar com a situação.

Portanto, não há nada bom ou mal perante os olhos da espiritualidade e sim desafios ou sinais indicando onde podemos transmutar, o que precisa ser desconstruído ou iluminado.

O poder da observação na meditação

Observar é reconhecer a emoção, é um olhar de fora, visualizando de forma imparcial como estamos agindo naquele dado momento.

Claro que eu ainda estou me aprimorando nessa técnica e cada vez mais focada em ter esse olhar independente para com meus atos.

A meditação tem sido fundamental nessa questão, pois, a partir dela, percebi a importância da respiração, da gratidão e da visualização.

Quando estou com a mente inquieta e tagarela, posso recitar um mantra! Pode ser uma frase ou uma palavra, dita em voz alta, baixa ou mentalmente, faço isso de forma repetida até minha mente acalmar.

Eu gosto muito de dizer a palavra GRATIDÃO! E tento fazer isso me concentrando nas sensações que ela me traz, realmente sentindo o que a palavra significa.

Meditar ao contrário do que muitos pensam, não requer ficar lá horas e horas sentado em posição de lótus, pensando nas contas que se tem que pagar ou nos seus problemas. Meditar pode ser feito em qualquer lugar, em qualquer momento, posso meditar lavando a louça do café da manhã, posso meditar fazendo tarefas do dia, e posso meditar apreciando a natureza, que aliás é a minha forma preferida pois nesses momentos consigo verdadeiramente me conectar com meu eu superior.

Nesses momentos em que me encontro comigo mesma, contemplo o que há de mais belo e de mais feio em mim, busco compreender a humanidade na sua essência mais profunda, busco os valores verdadeiros e o desapego daquilo que é apenas proporcionado pelo ego e pelo apego. E assim, cada dia mais sinto essa grandeza da força dessa energia em minha vida, sinto o todo do qual sou uma pequena centelha.

E o aprendizado segue…

Os Sete Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes – Stephen Covey.

Tenho citado nos posts anteriores a minha paixão pelos livros e o quanto a vida de campista tem me propiciado essa alegria apesar de todas as atividades e responsabilidades nos meus dias as quais ainda não consegui me livrar integralmente.

Hoje vou deixar um breve relato sobre a Leitura deste mês. O escolhido foi Stephen Covey que após ter sido deixado para trás algumas vezes para dar lugar a outro que eu estava mais ansiosa por ler, chegou o seu tão esperado momento.

Stephen Covey afirma que apesar de não parecer, as pessoas não nascem eficazes, elas desenvolvem hábitos que as tornam produtivas e focadas. Que tal saber quais são esses hábitos?

Se você produz além de sua capacidade, você irá se esgotar. Porém, se você estiver produzindo abaixo, quem estará se esgotando será o seu tempo. Os 7 hábitos estão em harmonia com esta lei natural.

Não são um conjunto desconexo de fórmulas milagrosas destinadas a estimular as pessoas. Os 3 primeiros hábitos falam do seu autodomínio. Já os seguintes hábitos  tratam das relações com os outros. E por fim o último hábito  só diz respeito a você mesmo.

Abaixo descrevemos melhor estes hábitos:

1) Seja proativo

Para desenvolver sua proatividade, tente o seguinte:

– Tenha um objetivo e atue dia após dia para alcançá-lo.

– Preste atenção às palavras que usa. Há sempre uma forma positiva de encaminhar sua vida.

– Trabalhe durante 30 dias praticando os princípios. – Coloque especial atenção naquelas coisas que possa controlar.

2) Objetivo em mente

Trace um objetivo e concentre-se para focar nas metas mais desejadas por você.

Aqui trago uma sugestão minha: identifique quem você quer ser, social, pessoal e profissionalmente.

3) Faça o mais importante primeiro

Pense em 2 ou 3 resultados importantes que queira alcançar para cada um dos seus papéis e atente para que estejam alinhados aos seus objetivos a longo prazo.

4) Ganha/Ganha

Covey defende que é possível um jogo onde ambas as partes ganhem. As negociações devem ser mutuamente benéficas e satisfatórias. Pessoas ou organizações que abordam conflitos a partir de uma atitude ganha x ganha possuem três traços de caráter vitais, que são:

– Integridade

– Maturidade

– Mentalidade da abundância: que é acreditar que há muito para todos. Esta crença nos ajuda a pensar que as pessoas não precisam sair perdendo. Todos podem sair ganhando.

5) Comunicação Empática

É o mais emocionante e o mais simples para se colocar em prática imediatamente. Comunicar, ouvir e compreender.

6) Sinergia

O hábito de sinergizar implica então na cooperação criativa e no trabalho em equipe. As pessoas com mentalidade ganha x ganha e que escutam com empatia podem aproveitar suas diferenças para gerar ideias e opções que não existiam antes.

7) Auto Renovação

Aqui você cuida de se aprimorar física, mental, social/emocional e espiritualmente, porque o maior patrimônio é, sem nenhuma dúvida, VOCÊ mesmo!

Um programa equilibrado de auto renovação nas quatro áreas de sua vida é fundamental, considerando as dimensões: física, mental, espiritual e social.

Stephen Covey
Stephen Covey

Fonte: Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes – Stephen Covey.

A vida em um Camping – 3 anos ressignificando nossas vidas

Toda transição traz consigo mudanças nos forçando a sair da zona de conforto, posso afirmar que esses primeiros anos foram uma prova de fogo, não é muito fácil passar por todo esse processo de adaptação.

Ir morar em um Camping e conviver com outra pessoa (ainda que essa pessoa seja seu marido ou esposa) 24 horas por dia em um ambiente extremamente reduzido requer uma mudança de crenças e paradigmas muito grande.

Antes éramos ele no espaço dele, assistindo seus programas preferidos na TV eu no meu espaço escrevendo, lendo meus livros, ouvindo meus mantras, de repente isso esta tudo jundo e misturado em um espaço de aproximadamente 15 metros quadrados e para mantermos nossa individualidade como seres únicos que somos, é preciso entender que o respeito pelo espaço, desejos e necessidades do outro são fundamentais e indispensáveis.

Só que não. Em um relacionamento prematuro e carente de todo esse entendimento e respeito talvez não seja tão simples como parece, ultrapassar tais barreiras. E foi nessa corda bamba que tocamos os dois primeiros anos. Entre muitas brigas, desentendimentos e alguns acertos fomos tentando encontrar o equilíbrio para essa nova vida que desafiava a ambos.

Lentamente fomos nos despindo do ego, da individualidade e apesar das dificuldades no convívio diário nos restava a certeza de que queríamos fazer o que era bom para ambos, que queríamos tentar nos alinharmos e que no final tudo se ajeitaria, que nem carga de abóbora que vai se arrumando na estrada.

A partir do terceiro ano as coisas foram se tornando mais decisivas e cada um de nós foi aos poucos estabelecendo seus espaços e territórios, já sabíamos até onde podíamos ir e sabíamos que em alguns momentos mesmo nos considerando certos, entendiamos que era preciso simplesmente silenciar. E assim fui ganhando espaço para meus estudos, para minhas leituras, para meus projetos profissionais e especialmente para estar em conexão com os meus valores mais puros e sinceros, e ele foi encontrando espaço nos afazeres manuais, nas manutenções do trailer, na confecção da casinha o espaço que o realizava e o fazia plenamente feliz.

Sim, estamos amadurecendo como pessoas e como relacionamento e passamos a aceitar que tudo o que nos foi dado é para nosso aprendizado e que em algum momento de nossas vidas havíamos atraído um ao outro justamente para que pudéssemos tirar uma lição e crescer como seres espirituais. Não posso falar se ele esta certo e ciente desse aprendizado, talvez em sua total inconsciência do fluxo de energia a que estamos envoltos ele não tenha a mesma percepção que eu, mas em sua consciência primária e evolutiva começa a sentir mesmo que ainda não entenda essas preciosas mudanças.

E nesse processo outras pessoas também tiveram um papel importante e especial e a eles chamamos de Amigos.

Nesse tempo que estamos vivendo no Trailer, em um Camping, muitas pessoas passaram por nossas vidas, alguns sequer lembramos o nome, entretanto, alguns vieram para ficar e esses são mais que amigos, são irmãos de alma. São pessoas que possuem um espírito livre como o nosso, que desejam viver a vida fora da matrix imposta pelo sistema. São pessoas que querem viajar, que não se importam em levar uma vida mais simples e minimalista e que colocam o ser acima do ter.

A lição que tiramos desses 3 anos é que precisamos continuar, ainda que a estrada seja acidentada, há muito o que aprender e crescer como seres humanos e seres espirituais, ainda há muitos lugares para conhecer, muitos livros para ler, muitos sorrisos para dar e muitas linhas por escrever.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube e nos acompanhe nessa jornada.